18 outubro 2016

Vamos falar sobre transição capilar: Minha historia

Há pouco mais de um ano tomei uma decisão que mudou totalmente a forma como eu me vejo, decidi passar pela transição capilar, hoje em dia cada vez mais pessoas, meninas e meninos, tem assumido seu cabelo natural e isso é maravilhoso, então resolvi contar um pouco da minha historia com o meu cabelo e sobre como foi a transição.

Na infância
(Não achei nenhuma foto de pouco antes de começar a alisar)
Eu sempre tive muito cabelo, ele era cheio e bem cacheado, e como a maioria das crianças eu odiava desembaraçar por que ele dava muitos nós, eu estava sempre de trança e conforme eu fui crescendo aquilo começou a me incomodar muito, eu era muito tímida e tinha uma autoestima bem baixa, e grande parte disso era por causa do meu cabelo, então comecei a fazer química muito cedo, primeiro relaxamentos e aos doze anos a progressiva.

Com cabelo liso
Assim que eu fiz a progressiva comecei a ter um relacionamento muito melhor com meu cabelo, e minha autoestima melhorou bastante, fiz química no meu cabelo por 5 anos, e nesse tempo muita coisa dentro de mim mudou, a imagem que eu tinha de mim, diferente da maioria das meninas o processo de aceitação e elevação da autoestima começou bem antes da transição e do BC, foi acontecendo ao longo desses 5 anos, a fase de voltar para o cabelo natural o resultado desse processo.

Essa etapa de cabelo liso foi muito importante para mim e eu amava meu cabelo do jeito que ele estava, mas eu comecei a ficar curiosa sobre aquele cabelo que eu não via a tanto tempo que já nem me lembrava mais como era, e depois que eu vi um vídeo da Rayza Nicacio sobre aceitação, eu percebi que ainda faltava um passo naquela mudança que já vinha acontecendo e decidi entrar em transição.

A Transição
A minha transição não foi tão difícil quanto pensei que seria, eu parei de fazer progressiva mas continuei a usar o secador e a chapinha, eu estava gostando de ver o cabelo natural crescer e estava ansiosa para ver como ia ficar, o dia em que fiz meu BC eu não fui ao salão com a intenção de cortar, mas decidi lá no salão tirar a parte lisa e foi um choque, foi ai que começou a ficar um pouco mais difícil. Durante a transição eu cometi o erro de não cuidar adequadamente do meu cabelo, ainda usava os mesmo produtos para cabelos com química e passava a chapinha muitas vezes na raiz sem nenhuma proteção, já maltratando aquele cabelo que estava nascendo, quando fiz o BC eu até gostei do resultando, mas não sabia cuidar dele e fiquei assustada com o volume, com o formato, e com o quanto ele ainda estava danificado, apesar de ter gostado continuei a usar a chapinha por que no fundo ainda não estava pronta para realmente assumir quem eu era, até que um dia eu decidi que não queria mais a chapinha, que aquela fase do cabelo liso tinha realmente acabado, percebi que parte da minha autoestima estava presa em ter o cabelo liso e eu não queria isso, e esse dia foi um dia muito especial para mim, foi realmente algo que aconteceu dentro de mim, eu até pensei em alisar de novo depois do BC, mas hoje eu sei que não preciso que meu cabelo seja liso por que ele é lindo.

O Depois
Quando decidi parar definitivamente com a chapinha comecei a realmente cuidar dele como deve, procurar produtos e técnicas para deixar ele mais bonito e saudável e foi ai que minha relação com meu cabelo mudou de novo, e novamente foi para melhor, ir descobrindo como ele ficava quando eu jogava de um lado ou de outro, como ele podia sim ficar lindo com volume, isso mudou uma coisinha aqui dentro de mim, me deu uma confiança que o cabelo liso não me deu, sabe que aquele cabelo era totalmente meu, e não um resultado conseguido depois de horas em um salão, me deixou confiante em quem eu sou.

Hoje estou totalmente feliz com o resultado do meu cabelo e não penso em alisar ele definitivamente nunca mais (mas também não vejo problema em fazer chapinha uma vez ou outra, sempre usando um bom protetor térmico), e uma coisa que eu digo com toda certeza para quem está pensando em passar pela transição é que vale muito a pena tentar por não é uma mudança só do lado de fora, depois da transição sua imagem de você mesma muda e todos a sua volta percebem, e você nunca vai saber se gosta ou não de você de cabelo natural se não tentar.

2 comentários:

  1. Taine teu cabelo é lindo! Passar pela transição não é fácil, mas quando essa fase passa o resultado é gratificante.

    ResponderExcluir

Desenvolvimento por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo